Endometriose Intestinal

Endometriose Intestinal

  • Post author:
  • Post category:Artigos

A endometriose é uma doença com muitas formas de apresentação. Devido a seu caráter inflamatório crônico e progressivo, muitos órgãos podem ser acometidos. 

Uma das formas de apresentação é a endometriose intestinal. Esta manifestação é representada pelo acometimento de algum segmento do intestino por implante de endometriose.

A presença de células semelhantes ao endométrio na parede do intestino gera uma processo inflamatório importante naquele órgão, gerando lesão tecidual e gradual substituição por fibrose. 

O acometimento do intestino está intimamente ligada ao acometimento de outros órgãos, chegando a 48% de correlação com endometriomas ovarianos, 53% com os paramétrios e 84% com focos de endometriose em região retrocervical. 

O acometimento intestinal pode gerar diversos sintomas como distensão abdominal, constipação intestinal ou intervalos de diarréia, dor ao evacuar (disquezia), e até sangramento pelo ânus em períodos menstruais. 

O acometimento mais comum é do Reto (65,3%) seguido pelo Intestino Sigmóide (18,1%). Outros segmentos também podem ser acometidos como apêndice cecal (6,3%), ceco e íleo terminal (4,7%) e outras áreas do intestino delgado (3,9%).

O tratamento vai variar conforme a localização, o grau de acometimento e os sintomas. Em casos leves o tratamento hormonal pode resolver, mas na maioria dos casos a resolução completa se faz através da cirurgia.

Cirurgia mais precoces permitem tratamentos mais conservadores, enquanto tratamentos mais tardios necessitam de cirurgias mais extensas.

Busquem sempre um especialista.