Atividade Física e Endometriose

Atividade Física e Endometriose

  • Post author:
  • Post category:Artigos
A endometriose é definida como a presença de tecido endometrial fora da cavidade uterina. Essa presença ectópica promove uma inflamação crônica nos órgãos que são acometidos.
Tal inflamação crônica e, muitas vezes, progressiva promove alterações multissistêmicas no corpo da mulher. Alterações musculo-esqueléticas são frequentes, principalmente em assoalho pélvico.
Uma poderosa arma no combate a endometriose é a prática regular de exercícios físicos. Atividades físicas além de melhorar os sintomas também podem prevenir o surgimento da doença.
Muitos estudos já mostraram os benefícios das atividades físicas na endometriose, um estudo da Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, que envolveu 4062 mulheres demonstrou que as mulheres que diziam ser ativas desde jovens tinham menos tendência para desenvolver esta doença.
A prática de exercício físico aeróbico promove liberação de endorfinas com efeito vasodilatador e analgésico que afastam o stress (que agrava os sintomas de endometriose) e ainda ajuda a reduzir os níveis de estrogênio (hormônio feminino que serve de combustível para o endométrio se desenvolver) e por isso desacelera o crescimento do tecido ‘intruso’.
Pratiquem atividade física regularmente!